quarta-feira, 11 de abril de 2018

É Oficial! Estamos no Social Comics


Tupanaoca agora disponível na maior banca digital do Brasil


Universo Valiant, Transformers, Estranhos no Paraíso, Disney, Turma da Mônica. Quando você entra no Social Comics, todas estas histórias que você encontra ou um dia encontrou em bancas estão lá. Mas não é só de nomes da grande massa é possível ver nesta grande banca de quadrinhos virtual, é possível ver editoras fortes, mas mais focadas em vendas em livrarias. Exemplos como as editoras JBC, Marsupial, Draco e Zarabatana Books.

Quando a equipe da Social Comics abriu espaço para as produções independentes, creio eu, ela não abriu espaço apenas para monetizar sua obra (Até porque ninguém vai ficar rico e pagar todas as suas contas com um simples trabalho postado na plataforma.) ela permitiu que, ao leitor percorrer os corredores de busca ele encontre ali o trabalho de um artista nacional e muitas vezes desconhecido.

Vejo o Social Comics como o melhor laboratório para quem quer produzir quadrinhos. As dificuldades que você vai encontrar para encontrar o seu leitor, acredite, não serão diferentes de colocar o seu quadrinho em uma grande livraria. Mas é importante que sua obra esteja lá, porque livrarias, sejam virtuais ou físicas, são o espaço criado para quem procura ler.

Quem é sócio do clube Social Comics é alguém que busca a experiência da leitura. Mesmo se ele for só fã do Zé Carioca, por exemplo, em algum momento ele vai experimentar uma leitura diferente. E essa leitura estará lá, basta apenas um clique.

Estou feliz por poder fazer parte desta experiência. Agora é esperar que aqueles que encontrem Tupanaoca também fiquem satisfeitos.

Aliás, esta é a novidade aqui. Como forma de apoiar a produção mais profissional dos quadrinhos as novas histórias de Tupanaoca serão publicadas por lá. Mas não se preocupe, as histórias gratuitas que foram publicadas anteriormente continuarão à disposição de quem quiser conhecer um pouco dos personagens.

Fica aqui o convite, sejam bem-vindos à página de Tupanaoca na plataforma Social Comics!

>>LINK DO VOLUME 01 AQUI<<

>>LINK DE NOSSA PÁGINA PRINCIPAL AQUI<<

sexta-feira, 30 de março de 2018

A Páscoa e a Nossa História

...E Tudo o Que Somos Hoje Começou Nesta Época do Ano!

Quando as caravelas portuguesas chegaram ao Brasil no ano de 1500 e avistaram as nossas terras pela primeira vez vendo o cume do que chamaram de Monte Pascoal, justamente por causa da época do ano em que as terras foram descobertas por Portugal. Surgia ali a história de uma terra que se chamaria Brasil.

A época da Páscoa, celebrada no primeiro domingo de lua cheia após o equinócio de outono no hemisfério sul, é uma data cheia de significado religioso e cercado de mitos e lendas.
Para o judaísmo, a Páscoa ou Pessach marca a comemoração da libertação do povo hebreu da escravidão do Egito, contada na bíblia pelo livro do Êxodo.

Para o Cristianismo, a Páscoa marca a ressurreição do Messias. Toda a base da religião cristã está atrelada à vitória sobre a morte de Jesus Cristo.

No Brasil, a Semana Santa, que começa com o Domingo de Ramos, já começa com a tradição da bênção de folhas. Muitos vão às missas para que sejam abençoadas as ervas que serão usadas como chás e temperos. A fé faz com que esta crença auxilie para que sejam trazidos bênçãos e a cura de enfermidades.

No interior, muitos ainda guardam a tradição das encenações da condenação, crucificação e ressureição de cristo. Cidades do interior do Brasil ainda atraem muitos turistas com as procissões do Senhor Morto e as festividades religiosas que começam nas Igrejas e terminam nas ruas após as missas.

O caráter sobrenatural da época ganha força através de lendas como o zaori, onde a pessoa que nasce na sexta-feira da paixão ganha a capacidade de ver mais que as outras pessoas, sendo capazes de coisas como prever o futuro, ou encontrar ouro escondido sob a terra.

Segundo as lendas, é proibido caçar na semana santa, em especial na sexta-feira da paixão. O caçador que não respeita a data está fardado a todo o tipo de desgraça durante sua empreitada. O resultado dos aventureiros que retornam com vida são sempre histórias de eventos sobrenaturais que resultam em algum tipo de ferimento físico ou o encontro com feras perigosas e até o diabo.

As crenças populares mostram que o Deus Cristão não está com os caçadores, os brigões e os desobedientes durante a Semana Santa, e não é bom entrar em matas para provocar os Caaporas, Sacis e Anhangás nesta época do ano. Eles podem se mostrar bem mal-humorados.

segunda-feira, 19 de março de 2018

Expo Comics - Pindamonhangaba, Nós Estivemos Lá!

Momentos de um evento que vai deixar muitas saudades nos dias 17 e 18 de março

Shopping Pátio Pinda na Expo Comics

Mesa das Mulheres nos quadrinhos: as opiniões de Tebhata Spekman, Bianca Nazari e Cora Ottoni

Rolou oficinas sobre diversos temas no evento. Eu e uma palhinha sobre roteiro de quadrinhos.

Teve as artes do Professor Lipe Diaz.

Shopping Pátio Pinda e a área dos Artistas.

Cora Ottoni, e suas obras ao lado de Tebh Spekman. Marry, Melody e Corenstein!

Essa foi a nossa mesa, Tupanaoca estava lá!

Gabriel Sozzi e sua arte super maneira!

Nossos agradecimentos aos amigos da Imago, unidos em prol do da arte!

Sim, e houve apresentação de cosplay.


Foi um final de semana muito legal! Aproveito o momento para agradecer a toda equipe da Imago, ao Wanderley, Don, Franciluce e todos os outros membros da equipe que não pouparam esforços para que todos os convidados se sentissem confortáveis. Tivemos excelentes acomodações no Hotel Intercity, alimentação boa no Degusta e todos foram muito atenciosos conosco.

Pessoal de Pindamonhangaba, forte abraço! Imago, muito sucesso! Aos estudantes da Imago Academia de Arte e Design, fiquei feliz demais em ver a quantidade de pessoas de várias idades que estão em busca de aprimorar suas técnicas e perseguindo seus objetivos. Sigam sempre em frente!

Abraços à todos!


quinta-feira, 8 de março de 2018

Dia Internacional da Mulher: Nossas Autoras e Nossos Quadrinhos

O Nosso Muito Obrigado para essas Meninas que Valorizam Muito a Nona Arte no Brasil!

Oito de Março é o dia internacional da Mulher. Existem várias maneiras de homenagear nossas meninas que são muitas em uma só. Como estamos tratando de quadrinhos e estamos no Brasil, por que não destacar o trabalho de nossas autoras e suas criações? A grande maioria nunca parou para pensar em personagens femininas brasileiras criadas por autoras, sei que se pararmos um pouco vamos ver que a lista é bem grande. Vamos então destacar algumas delas:



Personagem Samantha do Quadrinho "Beladona"

Essa menina de 7 anos de idade é a protagonista da história de suspense e terror ambientada no mundo dos sonhos e da realidade. Beladona é um dos quadrinhos mais emblemáticos da década capitaneado pelo roteiro de Ana Carolina Recalde e desenhada por Denis Mello.

Mais sobre Ana Recalde e o quadrinho Beladona você pode encontrar clicando >>>AQUI<<<.!

Personagem Juno Omura do Quadrinho "Vidas Imperfeitas"

A heroína de Vidas Imperfeitas é uma personagem interessante devido ao contexto criado pela autora Mary Cagnin. Ela é tida pelas pessoas à sua volta como violenta, impaciente e impulsiva, mas ela é fruto da realidade em que vive e suas reações são a resposta das ações do cotidiano que a cerca.

O quadrinho "Vidas Imperfeitas" de Mary Cagnin você pode encontrar clicando >>>AQUI<<<!

Personagem Mona do Quadrinho "Purple Apple"

A vampirinha ruivinha da série é uma das personagens mais adoráveis das histórias de Purple Apple. Ela é avoada, meiga e ainda tem um problema de DDA. Purple Apple é a série que serviu de cartão de visitas da autora Chairim Arrais.

Chairim está com um projeto novo, este para maiores de 18 anos, é o quadrinho da RED, uma personagem de sua autoria. Você pode conhecer sobre o projeto dela clicando >>>AQUI<<<!



Personagem Dani do Quadrinho "As Empoderadas"

Li, Fabi e Daniela fazem parte de um grupo de heroínas que ganharam seus poderes depois de uma espécie de “tempestade solar”. Dani tem força sobre-humana, é mãe de família e mora em uma casa que é muito a cara de qualquer lar brasileiro. Uma criação destaque feito pelo grupo PAGU, um coletivo de moças criativas que publicam pela Social Comics. Roteiro e Arte Germana Viana e capa de Érica Awano.

Os quadrinhos do selo PAGU com Germana Viana, Erica Awano e outras meninas dos quadrinhos são encontrados no Social Comics, se quiser conhecer é só entrar no Netflix do Quadrinho do Brasil clicando >>>AQUI<<<!

Personagem Virgínia do Quadrinho "O Diário de Virgínia"

Cátia Ana criou um tipo de HQ que usa as possibilidades gráficas oferecidos pela internet para criar histórias que em alguns momentos lembram flutuações e sonhos. O trabalho vale muito não só apenas pela história mas também pela qualidade estética.

O trabalho da Cátia Ana pode ser encontrado clicando >>>AQUI<<<!

Personagem Melody do Quadrinho "Marry & Melody"

Melody é uma personagem criada pela artista Tebhata Spekman e, eu pessoalmente, tenho preferência por ela por ser a mais megalomaníaca da dupla de garotinhas nerds. Ela é inteligente, sarcástica e algumas vezes maldosa. Nada mais humano.

Os trabalhos da Tebhata podem ser encontrados no blog Marry&Melody clicando >>>AQUI<<<!